Arquivo da categoria: Uncategorized

BOTAFOGO X PRAIANO FC JOGO-TREINO BEACH SOCCER FEMININO

Padrão
BOTAFOGO X PRAIANO FC JOGO-TREINO BEACH SOCCER FEMININO

BOTAFOGO

TORCEDOR BOTAFOGUENSE
e demais entusiastas do Beach Soccer…

O departamento de Beach Soccer Feminino lhes convida para o jogo-treino dia 15 de Março de 2014, às 9h00 em nosso CT na praia de Copacabana no posto 3, na Rua Paula Freitas, visando o Campeonato Carioca Feminino de Beach Soccer.

Então, convite feito!

JOGO-TREINO

BOTAFOGO X PRAIANO FC
Data: 15-03-2014
horário: 9h00
Local: CT do Botafogo no posto 3 ( Rua Paula Freitas )na Praia de Copacabana

Torcedor.
Prestigie nossos esportes gerais.
Sinta orgulho das nossas atletas que tanto honram nossas cores e a estrela do nosso clube Glorioso

Ame o Botafogo de Futebol e Regatas

Departamento de Beach Soccer Feminino

Jogo-treino: Botafogo x Praiano FC, Beach Soccer Feminino Jogo-treino: Botafogo x Praiano FC, Beach Soccer Feminino

Escudo BFR

BOTAFOGO DE FUTEBOL E REGATAS

Ver o post original

My Summer Love – Sérgio Mendes

Padrão

Letra original :

The suns in the sky
See the butterflies dance
Im feeling so high
In this crazy romance
First time I saw you look my way
When we walked in the sand
I couldnt think of what to say
Then you gave me your hand

You were my summer love
Under the stars above
The colour on the sea was indigo
I promise I would never let you go
You were my summer love
Underneath the stars above
Youre the only one Im dreaming of
And you will always be my summer love

I told you goodbye
Said it never could last
I though you were mine?
Were a thing of the past
But Ive been counting everyday
For this winter to end
I just cant wait to fly away
And be with you again

You were my summer love
Under the stars above
The colour on the sea was indigo
I promise I would never let you go
You were my summer love
Underneath the stars above
Youre the only one Im dreaming of
And you will always be my summer love

Letra/Tradução:

O Sol no céu
olha as borboletas dançarem
estou me sentindo nas alturas
com esse louco romance
a primeira vez que te vi olhando na minha direção
quando nos andavamos sobre a areia
eu não sabia oque dizer
então você me deu a mão.

você foi meu amor de verão
abaixo das estrelas lá em cima
a cor do mar era anil
eu prometo, eu jamais deixaria você partir
você foi meu amor de verão
abaixo das estrelas lá em cima
você e a unica em meus sonhos
e você sempre será meu amor de verão.

eu te disse adeus
disse que nunca poderia acabar
eu pensei que você fosse minha ?
foi uma coisa do passado
mas tenho contado os dias
para esse inverno acabar
e mau posso esperar para sair voando
e estar com você outra vez

você foi meu amor de verão
abaixo das estrelas lá em cima
a cor do mar era anil, eu prometo eu nunca deixarei você partir
você foi meu amor de verão
abaixo das estrelas lá em cima
você e a unica em meus sonhos
e você sempre será meu amor de verão

você foi meu amor de verão
abaixo das estrelas la emcima
você foi a unica que valeu a pena sonhar
e você sempre será meu amor de verão.

edição: Johnny BFR
Tradução: The Reaper ‘ DNA’

Rio de Janeiro…meu amor !!!

Padrão

“A cidade do Rio de Janeiro, com seu belo céu de azul e sua natureza tão rica, com a beleza de seus panoramas e de seus graciosos arrabaldes, oferece muitos desses pontos de reunião, onde todas as tardes, quando quebrasse a força do sol, a boa sociedade poderia ir passar alguns instantes numa reunião agradável, num círculo de amigos e conhecidos, sem etiquetas e cerimônias, com toda a liberdade do passeio, e ao mesmo tempo com todo o encanto de uma grande reunião.

Temos na Praia de Botafogo um magnífico boulevard como talvez não haja um em Paris, pelo que toca à natureza. Quanto à beleza da perspectiva, o adro da pequena igrejinha da Glória é para mim um dos mais lindos passeios do Rio de Janeiro. O lanço d’olhos é soberbo: vê-se toda a cidade àvol d’oiseau, embora não tenha asas para voar a algum cantinho onde nos leva sem querer o pensamento.
Mas entre nós ninguém dá apreço a isto. Contanto que se vá ao baile do tom, à ópera nova, que se pilhem duas ou três constipações por mês e uma tísica por ano, a boa sociedade se diverte; e do alto de seu cupê aristocrático lança um olhar de soberano desprezo para esses passeios pedestres.”

 

O Rio é um festival de cores. A começar por nosso céu, considerado o mais bonito do mundo pelo site The Blue Sky Explorer. Temos no ano mais dias de sol do que de chuva , dando a tudo um colorido especial. Em pouco tempo, vamos do verde das matas da Floresta da Tijuca (ou do Jardim Botânico) para o azul do mar — na praia, barracas multicores. Andar nas ruas é mergulhar num caleidoscópio de cores. Aqui florescem ipês amarelos, roxos, rosas, o flamboyant vermelho vivo etc.

Até os ônibus cariocas são mais coloridos que em outras cidades — sem falar nos táxis amarelos. Em sua crônica “As Cores do Rio”, escreve J. Carino: “As cores do Rio, que nos encantam a retina, estão em toda parte…”

Outro dia conversando com uma amiga, que me perguntava por que eu não deixo o Rio,  dizia que não via motivo…Minhas dores e paixões passam visceralmente pelo Rio de Janeiro…Acontece que não posso e não quero largar mão desta cidade. Sou dependente do Rio. Sou fruto desta cidade.

 

“A cidade tem mar e montanha, clima bom o ano inteiro e a felicidade do carioca”

 

“A maior virtude do Carioca é a sua generosidade. Os cariocas têm prazer em ajudar o outro”

“Poucas cidades no mundo têm o mar e a floresta tão próximos. É isso que torna o Rio tão especial”

“Muitas coisas fazem o Rio especial: a magia, a poesia, gente bonita, o Maracanã, o futebol, e é claro, a Superstição do torcedor Botafoguense”

“A mistura do Rio é muito cativante: é uma cidade moderna, mas com foco enorme na natureza”

“O melhor é acordar e dar de cara com o Cristo e o Pão de Açúcar. Não há como ficar triste numa cidade como essa…Fico de bom humor o dia inteiro”

 

 

“Todos os dramas, os mais terríveis, o carioca pode enquadrá-los numa   janela aberta para um céu de estrelas”

” O Rio de Janeiro tem coisas de que é impossível qualquer pessoa se desligar. Mesmo recebendo gente de toda parte, a cidade não consegue ser cosmopolita. Qualquer estrangeiro se torna carioca em pouco tempo”

O Rio de Janeiro exerce o milagre da esperança e todos que aqui vivem ressuscitam de hora em hora, sentindo na boca o gosto salgado de um novo batismo.

Ser autêntico carioca é possuir a dignidade de existir sem ambições supérfluas. É bastar-se a si mesmo, na certeza de ser um privilegiado do destino.

Deus deu o alimento sonho ao carioca.